#

Cotidiano

Em ato com servidores em praça pública Ilderlei critica juiz e Polícia Federal

Durante um ato realizado na manhã desta segunda-feira (17), onde o Prefeito Ilderlei Cordeiro realizou uma reunião em praça pública com os funcionários efetivos e nomeados da prefeitura, o gestor criticou as ações da Policia Federal e do juiz que autorizou as prisões realizadas na última sexta-feira (14).

“Eu fico triste porque não precisava ter feito tudo aquilo. Tantos documentos pediram, tantas informações pediram. Só esse ano o Tribunal de contas do estado esteve aqui dia 14 e 15, analisou todos os TC’S e relatórios entre a Prefeitura e CBCN. A CGU está na prefeitura desde a semana passada, há dez dias fiscalizando o município”, falou o prefeito.

Durante a operação, a porta da prefeitura foi arrombada pelos policiais militares, para retirada de documentos. Cordeiro criticou a forma que os agentes adentraram na prefeitura.

“Chegaram amedrontando essas famílias, entraram na prefeitura. Falta de respeito a atitude que aquele profissional entrou ali. Na prefeitura não tinha nenhum bandido, tem servidor, tem vigia para entrar e abrir a porta e levar o que for preciso, mas não precisava quebrar a porta da prefeitura. Foi falta de respeito com a nossa cidade, com os servidores. Eu vou entrar com uma ação contra esse servidor para ele pagar a fechadura que ele quebrou. Nós lutamos para ser Brasil, para vir um servidor da Polícia Federal, que nem daqui é, para querer desmoralizar na cidade que fui autorizado por vocês para ser prefeito. Eles não vão manchar a voz, o sangue, o poder e autoridade dos cruzeirenses. Não tenho nada a temer”, enfatizou o prefeito.

E seu pronunciamento, o prefeito fez criticas ainda ao juiz que autorizou as prisões dos servidores, envolvidos na investigação.

“Quero parabenizar a juíza Adamárcia, que está cuidando dessa operação desde abril. Tudo que a Policia Federal pede ela vai lá e autoriza, autorizou quebra de sigilo bancário, meios de comunicação, de e-mail, tudo ela autorizou, e só bastou ela viajar de férias, entrou um juiz plantonista que não conhece a história dos cruzeirenses, a honra dos cruzeirenses, ele vem aqui e autoriza a fazer prisões desnecessárias”, reiterou.

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image