Juruá Online

COVID-19

Cruzeiro do Sul está no limite da lotação da UTI Covid

Secretaria Estadual de Saúde já analisa a possibilidade de ampliar leitos de UTI em Cruzeiro do Sul para evitar a transferência de pacientes para Rio Branco.

Com o aumento dos casos de covid-19 em Cruzeiro do Sul e região, pelo menos nesta segunda feira de manhã,18, não havia vaga para a Unidade de Terapia Intensiva do Hospital de Campanha situado ao lado do Hospital do Juruá. Há um paciente de Mâncio Lima, dois de Tabatinga-AM e sete de Cruzeiro do Sul, sendo desses, quatro intubados, totalizando dez pacientes.
Ao todo, 22 pacientes estão internados na Clinica Covid em Cruzeiro do Sul. Ocorreram onze altas e não há óbito registrado do final de semana até domingo dia 17.
De acordo com a direção do Hospital do Juruá, a Secretaria Estadual de Saúde já estaria providenciando a estruturação de mais 10 leitos de UTI para garantir o atendimento em Cruzeiro do Sul, sem que haja necessidade de transferir paciente grave para a capital do estado que também já está com sua unidade praticamente lotada, com 92 % de ocupação.

 

A expectativa é que a Vacina CoronaVac chegue à Cruzeiro do Sul nesta terça feira.
O secretário de Saúde do municipio, médico Aguinaldo Lima, diz que a logística dependerá da quantidade de doses de vacina que a cidade vai receber. Mas por enquanto vai instalar pontos de vacinação nas imediações do Teatro dos Nauas e na Universidade Federal do Acre.
Equipes itinerantes atenderão o público prioritário em abrigos e nas aldeias, atuarão em parceria como DSEI.

Estratégia de vacinação no Acre
No Acre a estratégia de vacinação será dividida em três fases, inicialmente:
Fase 1: trabalhador da saúde, pessoas acima de 75 anos, pessoas de 60 anos institucionalizadas (que estejam em asilos ou casas de repouso), populações indígenas e povos e comunidades ribeirinhas;
Fase 2: pessoas entre 60 e 74 anos de idade, sadias que podem se deslocar;
Fase 3: pessoas com comorbidades, que são doenças preexistentes.

 

 sicredi2.png