Juruá Online

Política

Gladson Cameli anuncia medidas para conter crises no Acre

O governador Gladson Cameli anunciou uma séria de medidas diante da situação emergencial em que o Acre se encontra com o crescimento dos números de internações no sistema público de saúde por Covid-19, surtos de Dengue, enchentes que já atingem 10 municípios, além da crise migratória na fronteira com o Peru.

Na noite deste domingo, 21, o chefe do executivo anunciou a chegada do quinto lote de vacinas contra a Covid-19 no estado, previsto para a noite de terça-feira, 23. Diante do recrudescimento da curva epidemiológica da Covid-19, Cameli anunciou também abertura de mais leitos de UTI e a instalação de usinas de geração de oxigênio hospitalar.

“Solicitei a abertura de mais vagas de UTIs e usinas de oxigênio, para que não venha faltar caso a demanda pelo insumo na rede hospitalar venha aumentar nos próximos dias. Aguardamos a chegada de mais um lote de vacinas contra a Covid-19, inclusive pedi o apoio do Ministério da Saúde para que o Acre, diante da situação emergencial que enfrenta, tivesse uma quantidade maior de doses para imunizar e alcançar mais pessoas neste momento”, anuncia Cameli.

Sensível à situação de sofrimento dos acreanos, o governador Gladson Cameli vem acompanhando de perto, indo aos municípios, levando ajuda humanitária e buscando de forma incansável recursos junto ao governo federal, que diante do caos, com enchentes, crise migratória e alta taxa de ocupação de leitos de UTI Covid, o presidente da república Jair Bolsonaro virá ao Acre nesta quarta-feira, dia 24.

“A presidência da República começou a nos dar retorno, autorizando algumas medidas que solicitamos de forma urgente para que o Acre não venha sofrer um colapso, uma delas foi a transferência de pacientes com Covid-19 para outros estados, que já nos foi autorizado”, disse o governador.

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA